Dor no Joelho: o que você precisa saber sobre esse assunto

 

Quando você precisa sentar, é ele que te permite; quando você precisa levantar, é ele que faz você realizar o movimento; além de te permitir subir escadas, correr, caminhar e deitar. Enfim, você precisa do seu joelho e cuidar dele é muito importante.

Quem sofre com dores no joelho sabe que a dor muitas vezes é insuportável. Sendo o joelho a maior articulação do corpo, é ele que sustenta o nosso peso e está mais vulnerável a lesões. Além disso, uma postura inadequada durante o trabalho pode causar ou agravar traumas na região.

Por isso, é preciso dar atenção e ter alguns cuidados para evitar algumas doenças. Acompanhe esse artigo e veja as dicas para evitar certas lesões.

 


A ANATOMIA DO JOELHO

O nosso joelho é formado por duas articulações: o fêmur (osso da coxa), a tíbia (osso da perna), e na parte anterior tem a patela (rótula), um osso em formato arredondado. Além disso, existem grandes ligamentos que unem o fêmur e a tíbia e que proporcionam estabilidade e músculos que dão força ao joelho. Também compreende a anatomia do joelho a cartilagem que torna possível o movimento. E para que esse movimento aconteça é preciso que a articulação seja lubrificada para reduzir o atrito, sendo papel responsável da membrana sinovial.

Fazendo uma analogia, o joelho pode ser comparado a uma engrenagem. É preciso que toda a estrutura esteja funcionado em sintonia para que não sobrecarregue e cause traumas a curto ou a longo prazo.

 


ESQUELETO DO JOELHO  

O joelho é uma das articulações mais complexas do corpo humano e está dividido em estruturas, que listaremos abaixo.

# OSSOS
Como comentamos acima, o joelho é composto por dois importantes ossos: o fêmur e a tíbia, além da patela. O fêmur está localizado na coxa, é o mais longo e volumoso do esqueleto humano, e também é o mais resistente. A tíbia é o que conhecemos de osso da canela e está localizado entre os pés e o joelho. Está articulado com o fêmur e também com os ligamentos do menisco, na parte lateral com a fíbula e na área inferior com os ossos do pé, chamado de tarsos.

# ARTICULAÇÕES
O tipo de articulação do joelho é chamada de sinovial, composto por ligamentos e cápsulas que tem um compartimento que contém o líquido que lubrifica a articulação. Também compreende as articulações do joelho a cartilagem articular, que é basicamente um material que envolve as extremidades dos ossos, permitindo o deslizamento normal da articulação. E tem como função absorver impactos e proporcionar movimentos com facilidade.

# LIGAMENTOS  
O ligamento é um tipo de tecido resistente, que conecta as extremidades dos ossos. São capazes de captar a velocidade, o movimento e a posição da articulação. Além dos dois grupos de ligamentos, o LCP (ligamento cruzado posterior) e LCA (ligamento cruzado anterior), temos os meniscos, que têm como função principal amortecer e distribuir o peso exercido sobre a articulação. No joelho temos dois meniscos: um que funciona para vedar e espalhar a força do peso do corpo e o outro que contribui para a estabilidade articular.

# TENDÕES
É um cordão fibroso, formado por um tecido conjuntivo. No joelho eles ligam os músculos aos ossos e a patela até a tíbia.

# MÚSCULOS
É constituído por tecido muscular e se caracteriza por produzir movimentos de flexão e extensão da perna.

# NERVOS
O nervo que compreende a região do joelho divide-se em nervo tibial (parte de trás da perna) e nervo fibular (vai da parte externa do joelho para a frente da perna e pé). E ainda na parte de trás do joelho temos o ciático, um grande nervo que se extende da perna até o pé.

 


DOENÇAS NO JOELHO

As principais patologias nessa região do corpo que levam diversas pessoas e principalmente funcionários a consultórios de ortopedistas, são relacionadas ao joelho. É a segunda causa de afastamento de funcionários, atrás apenas de dores nas costas, segundo os dados do Ministério da Previdência Social.

E quais seriam essas doenças?

# Artrose
# Bursite
# Gota
# Luxação
# Rupturas
# Lesões nos ligamentos
# Tendinite

 


O QUE CAUSA DOR NO JOELHO

Considerando que é o joelho que sustenta nosso corpo e que nos permite realizar certos movimentos, existem alguns motivos que prejudicam e causam traumas nessa região.

# Postura errada ao sentar

# Cruzar as pernas por muito tempo

# Sentar sobre uma das pernas

# Falta de atividade física

# Excesso de força e peso no joelho

 

Coloque seu e-mail abaixo e receba as
atualizações do nosso blog em primeira mão.


 


COMO CUIDAR DO JOELHO

Quem tem ou já teve alguma lesão sabe a intensidade da dor e as limitações para sentar, levantar e caminhar. Abaixo listamos algumas dicas importantes que ajudarão você a cuidar dessa articulação.

 

NO TRABALHO – EM PÉ

Trabalhar em pé e ficar por muitas horas nessa posição sobrecarrega as articulações dos membros inferiores, concentrado muito sangue nas pernas. Também pode acometer a região lombar, causar alterações posturais, artrose e dores na sola dos pés e panturrilhas.

A sugestão para amenizar e evitar esses sintomas é usar o Tapete Antifadiga Ergonômico. Aprovado por especialistas da área de medicina e fisioterapia do trabalho, o Tapete Antifadiga, tem por objetivo eliminar as tensões e fadigas musculares. Ele assegura o amortecimento ideal para o corpo do colaborador que os pés não oferecem, além de estimular a circulação sanguínea.

Outras características e benefícios do Tapete:

# Aumenta o rendimento e produtividade do trabalhador

# Tem alta durabilidade

# Possui bordas com inclinação negativa para evitar tropeço

 

 

NO TRABALHO – SENTADO

A posição correta das pernas para quem passa horas sentado durante o expediente, é deixar os pés totalmente apoiados no chão ou sobre uma superfície. Não é indicado ficar na ponta dos pés, pés flutuado ou os pés sobre a cadeira. Além disso, você vai precisar sentar corretamente na cadeira. A sua lombar precisa estar apoiada no encosto e as pernas devem estar em paralelo, uma ao lado da outra. Os joelhos devem ficar um ângulo de 90º e a parte de trás da coxa não pode ficar pressionada sobre o assento. Para seguir essas orientações a dica é usar o Apoio para os Pés, clique aqui e conheça o produto e seus benefícios.

 

Você irá curtir também:

TRABALHA EM PÉ? SAIBA POR QUE VOCÊ PRECISA USAR O TAPETE ANTIFADIGA 

# 6 DICAS para manter a Postura Correta sentado 

 

NO DIA A DIA

# Use sapatos confortáveis com salto baixo e com amortecimento.

# Para dormir, coloque um travesseiro entre as pernas.

# Evite ficar por muito tempo em pé, apoiado em uma das pernas. Sempre equilibre o peso completo nos dois pés.

# Faça exercícios físicos para fortalecimento dos músculos.

# Ao agachar, flexione os joelhos para dividir o peso sobre as pernas.

 

Motivos não faltam para você cuidar dos seus joelhos e não sofrer com dores. Aproveite para navegar em nossa loja virtual e conhecer outros produtos da nossa linha de ergonomia. Acesse loja.www.reliza.com.br

 

Até a próxima semana.

Comente!

Nossos Clientes

Vídeos de Produtos

Depoimentos